09/06/2008

Rui Silva vai recorrer do castigo de 20 meses de suspensão

O árbitro Rui Silva suspenso por 20 meses pelo CD da Federação Portuguesa de Futebol por falsificação de relatório, vai recorrer da decisão, que considera “injusta”, e reafirma que nada fez que outros árbitros não tenham feito. Rui Silva, único árbitro de primeira categoria na lista dos 26 árbitros suspensos pelo Conselho de Disciplina federativo, reagiu em comunicado ao castigo, hoje divulgado, e promete não desistir de lutar pela sua defesa. “Face à injustiça com que me deparo, não tenho outra alternativa senão recorrer para os órgãos competentes de modo a ser reposta a legalidade, pois estou de consciência tranquila (...)”, refere o árbitro, no comunicado. O árbitro, que foi investigado no âmbito do processo Apito Dourado por jogos em que o Gondomar esteve envolvido, viu os autos arquivados no Tribunal de Gondomar e em sede de justiça desportiva viu também arquivado um processo relativamente a corrupção. Seria no entanto condenado por duas infracções de falsificação de relatório de jogo, num total de 20 meses. “Em consciência nada fiz de errado, estando a ser penalizado por não ter escrito nos relatórios lembranças que recebi e recusei (...)”, refere o árbitro, que acrescenta: “Nada fiz que os meus colegas árbitros de agora e do passado não tivessem feito até aqui - 5.06-08 - nunca a FPF havia determinado que tais inscrições eram obrigatórias”. fonte: OJOGO

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Após submeter o seu comentário, este será aprovado pela administração antes de ser publicado.